Pátio dos Artistas - "Urashima Taro e o Reino do Fundo do Mar"

"Urashima Taro 

e o Reino do Fundo do Mar"

Encenação e direcção artística de Margarida Alberty

 4º Musical do Pátio dos Artistas

Auditório Eunice Muñoz, 15 e 16 de Maio de 2010, Oeiras

Clique nas imagens para aumentar. 

O Nosso Espectáculo:

Quando era pequena, tive a grande felicidade de ter um avô materno, que para além de ser um grande senhor, era um entusiasmante contador de histórias. 

Ricardo Alberty era o seu nome.

Achei que devia prestar-lhe uma homenagem e decidi encenar, em forma de Musical, um dos seus contos favoritos:”O Pescador Urazima”. Vim a descobrir, com o milagre da Net, que afinal era um conto tradicional japonês que se intitulava “Urashima Taro” e fiquei fascinada! Era mesmo aquela história que o meu avô contava... Escrevi o script e acrescentei-lhe um final feliz. Depois escolhi as músicas e os vários tipos de danças, tendo dado aos alunos da EDCN a oportunidade de criarem as suas próprias coreografias.  No Pátio dos Artistas, o nosso espaço-atelier, construímos os cenários e fizemos os adereços. Tudo apenas com a ajuda do Mestre Hakim Caseirito, um grande artista e pintor que também nos ensinou a fazer as esculturas em esferovite, que podem agora apreciar no palco, inclusivé o Palácio do Rei Dragão. Também costurámos algumas peças do guarda-roupa que imaginei. Devo dizer que todos se empenharam muito nas aulas de Dança, Artes & Teatro que constituem o programa da nossa escola. Formámos uma boa equipa e convidámos outras escolas para darem ainda mais alegria, movimento e cor à nossa história. São mais de 100 os que participam neste espectáculo, um verdadeiro desafio a todos os níveis, visto termos conseguido realizar tudo sozinhos, sem qualquer Apoio Camarário ou Patrocínios. Só a paixão, o entusiasmo das crianças e o trabalho gratificante podia levar-nos nesta grande aventura. O facto de temos teatro próprio para os nossos ensaios semanais foi uma preciosa ajuda. Composto o puzzle de tantas peças importantes, Urashima Taro ganha um lugar no palco do Auditório Eunice Muñoz, com duas apresentações. 

O conto, em si, levanta várias questões e faz-nos meditar sobre elas. 


Resumo: Um pobre pescador salva uma tartaruga que, como recompensa, o leva para o fundo do mar, onde existe um palácio encantado com todas as riquezas e entretenimento. Lá, o pescador, deslumbrado, apaixona-se pela princesa, filha do Rei Dragão e vive momentos de verdadeira felicidade. Contudo, ao fim de 3 dias, começa a pesar-lhe a consciência e a sentir saudades da sua mãe  e da sua casa. Decide então despedir-se da princesa. Esta, desconsolada, oferece-lhe uma caixa que contém algo muito valioso. No entanto, pede-lhe que nunca abra a caixa e ele assim o promete. Levado pela tartaruga, de volta ao lago onde costumava pescar, Urashima Taro depara-se com uma paisagem estranha e com pessoas que não reconhece. Intrigado e confuso, verifica que tudo lhe é desconhecido e não entende o que se passa. Um ancião explica-lhe que de facto existira ali uma família com o nome de Urashima, que muito tinha chorado um filho adorado que se afogara no lago num dia de pesca, mas que isso tinha acontecido há cerca de 300 anos. Desolado, Urashima Taro realiza que cada dia que passara tão regaladamente no Palácio do Rei Dragão, correspondia a um século. Por isso agora, não tinha casa, nem família, nem amigos e nem maneira de voltar para a princesa.  Então, uma vez que nada mais tinha a perder, restava-lhe uma esperança. Quebrando a promessa, abriu a caixa. De lá, saiu um fumo branco que se evolou e o transformou num velho, acabando morto na areia da praia. 

Mas se afinal tudo isto não tivesse sido só um sonho ?


Obrigada a todos pela vossa presença e espero que aclamem muito os nossos pequenos grandes artistas!


Margarida Alberty  

Comentários

“Je connais Margarida depuis 20 ans et j'apprécie toute sa créativité, son énergie dans le développement de nouveaux projets innovants.

La création du Patio des Artistes est un projet magnifique et je la félicite ainsi que toute l'équipe pour ce fabuleux travail réalisé!

En effet la production du spectacle Urashima Taro e o Reino do Fundo do Mar fut un grand spectacle digne de grands professionnels du musical et du théatre !

Bravo à tous les artistes ! Et tous mes voeux de succès pour le prochain spectacle !


Véronique Pellerin 


"As produções da Margarida Alberty têm-nos brindado com musicais infantis, que têm sido óptimas oportunidades para as crianças que neles participam. Por outro lado, proporcionam agradáveis tardes de espectáculo a todos aqueles, famílias e amigos, que têm tido a oportunidade de assistir. No passado mês de Maio foi apresentado mais um musical infantil: “Urashima Taro”. Mas “Urashima Taro” foi diferente. A história, a qualidade dos artistas e o nível da produção (cenários, guarda roupa, efeitos de luzes) transformaram este musical infantil em algo diferente: Num espectáculo que fica na memória de quem teve o privilégio de o ver! Assistiram-se a momentos de rara beleza, acompanhados, por vezes, de uma carga emotiva característica de espectáculos objecto de promoção profissional. Quem participou só pode estar orgulhoso de ter integrado um elenco de tão boa qualidade. Os mais pequenos tiveram uma oportunidade rara de se verem envolvidos num ambiente tão “profissional”. De certeza que foi um óptimo contributo para o seu crescimento. Os mais velhos tiveram um meio de excelência para demonstrarem o seu valor e crescerem como artistas. Quem produziu só poderá estar orgulhoso e convicto da qualidade do trabalho realizado. Parabéns a todos!

Faço questão de continuar a acompanhar as produções da Margarida Alberty, e, se não estou enganado, “Urashima Taro” foi só o inicio de algo diferente que aí vem. 

Vamos aguardar, o espectáculo segue dentro de momentos.”

              Rui Estanislau Vieira & Susana Vieira

"A peça primou pela grandiosidade e originalidade. O cenário esteve muito bem concebido e os pequenos artistas mostraram ter um enorme talento como actores, bem como revelaram uma entrega aos respectivos papéis que não deixou a plateia indiferente. Também as actuações dos alunos do Conservatório Nacional, da Cascais Dance Academy e de outras Escolas de Dança acrescentaram uma graciosidade, transportando-nos para um mundo mágico. Foi demonstrado, sem dúvida, um elevado grau de profissionalismo e espero que possamos vir a assistir a outros espectáculos de semelhante qualidade. Parabéns a Margarida Alberty e a todos os participantes na peça "Urashima Taro e o Reino do Fundo do Mar". "


  Sofia Palma

Urashima Taro é uma bonita história de um pescador e a sua adoração pela sua terra. Deliciámo-nos com a acção, a força e a emoção que nos trouxe esta peça, desde os temas musicais, às cores, à criatividade do cenário na sua estrutura em esferovite, ao guarda-roupa… O espectáculo representa o bom gosto e os aspectos positivos da vida. Mais uma vez a Margarida demonstra ser uma defensora destes aspectos e ter vocação para o teatro.

Estas peças são muito bem-vindas. Muito obrigada!


Guida Gonçalves

"I had the opportunity to go see Margarida Alberty´s third theatrical performance on the 15th of May 2010: “Urashima Taro e o Reino do Fundo do Mar”.

AMAZING! The story was simple enough for all to understand. The costumes were just beautiful. The decor was just spectacular. My

little boy was acting in the play (speaking English so well), so I may

be a bit partial, but I truly think that once again, Margarida and her team did a wonderful job. What amazed me above all is that she was able to make 150 kids work together to produce a work of art. Great job! Continue the good work. Looking forward to seeing the next play!


Catherine Gourmet

Ficha Técnica:

Produção:  

Pátio dos Artistas da Margarida’s School


Direcção Artística, Script, Adaptação Musical, Encenação, Cenografia e Figurinos:

Margarida Alberty


Confecção dos Figurinos:

Retrosaria Fantasia

Pátio dos Artistas


Cenário e Adereços

Hakim Caseirito

 Margarida Alberty 

Filipe Alves (desenho)

Rute Magalhães

Teresa Archer

Alunos do Pátio dos Artistas


Pintura da tela do Fundo do Mar e construção do Palácio

Mestre Hakim Caseirito


Coreografias do Pátio dos Artistas: 

Emma Nilsson


Sonoplastia e Iluminação:

Equipa do Auditório Eunice Muñoz


              Design dos bilhetes, programa e posters: 
Margarida Alberty, Rute Magalhães

Convidados:


Alunos da Escola de Dança do Conservatório Nacional


Emma Nilsson 

(Cascais Dance Academy)


Eclodir Azul - Orquestra de Percussão Portuguesa


Nilma Matias 

(Escola de Danças 

Nilma Matias)


Ana Teresa Costa 

(Ginásio Alto do Duque)


Hugo Cavaco

(actor)


Tiago D'Assunção

(actor)

 ...............................................